UNEMAT abre inscrições para o VESTIBULAR 2019/2

A Universidade do Estado de Mato Grosso – UNEMAT, através da COVEST faz saber que o Vestibular 2019/2 está com inscrições abertas no período de 18 de março a 12 de maio de 2019. São ofertados mais de 3 mil vagas nos diversos cursos, nas modalidades regular/presencial e parceladas, oferecidos nos seus Câmpus Universitários pelo endereço eletrônico www.unemat.br/vestibular.
Para Alta Floresta são oferecidas 160 vagas nos cursos de Agronomia, Engenharia Florestal, Ciências Biológicas e Direito. A prova acontecerá no dia 09/06/2019 (Domingo) Das 8h às 13h.
A inscrição com pagamento da taxa de inscrição deverá ser efetuada via internet, no endereço eletrônico ww.unemat.br/vestibular, no período compreendido entre as 8 horas do dia 18/03/2019 e 23 horas e 59 minutos do dia 12/05/2019. O valor da taxa de inscrição é de R$ 100,00 (cem) reais.

ISENÇÃO DE TAXA
Podem solicitar isenção de taxa no período de 18 a 20 de março de 2019 nos horários das 8:00 as 11:00 e das 14:00 as 17:00 horas. Os candidatos com renda familiar inferior a dois salários mínimos, doadores de sangue ou profissionais técnicos da Educação Superior da Unemat. Para esses casos, o candidato deve requerer sua inscrição pelo endereço eletrônico www.unemat.br/vestibular e entregar obrigatoriamente os documentos exigidos no edital até às 17 horas do dia 21/03/2019 no Posto Autorizado localizado no CETAM do Campus II de Alta Floresta situado na Perimetral Rogério Silva, s/n. Bairro: Residencial Flaboyant, Cidade Alta (Campus Novo).
Informações sobre a isenção de taxa: (66) 3521-8203.

Maiores informações sobre o vestibular (66) 3521-1567/1464.

Professor da Unemat edita livro em Nova York sobre conservação florestal

O professor da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) Pedro Vasconcellos Eisenlohr, câmpus de Alta Floresta acaba de lançar seu terceiro livro como editor. "Forest Conservation: Methods, Management and Challenges", em português "Conservação Florestal: Métodos, Gestão e Desafios", foi publicado pela editora Nova Publishers, de Nova York, Estados Unidos, com contribuições de professores e estudantes de pós-graduação da Unemat, entre outras universidades.

O livro, que oferece aos leitores a oportunidade de compreender, considerar e planejar estratégias que visem conservar os ecossistemas florestais em todo o mundo, é composto por um conjunto de capítulos sobre conservação florestal, envolvendo aspectos ecológicos, metodológicos e socioeconômicos. Com destaque para o décimo capítulo, liderado por João Carlos Pires de Oliveira, mestre em Ecologia e Conservação pela Unemat, no qual se aborda a modelagem de adequabilidade ambiental e seu potencial para apoiar decisões de conservação e programas de restauração ecológica em praticamente qualquer parte do mundo.

Eisenlohr é orientador nos programas de pós-graduação da Unemat em Biodiversidade e Agroecossistemas Amazônicos, em Alta Floresta, e em Ecologia e Conservação, em Nova Xavantina, e, da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), em Ecologia e Conservação da Biodiversidade. Eisenlohr disse ter contado com a colaboração de pesquisadores de vários países.

“Este livro apresenta dez capítulos escritos por renomados pesquisadores do Brasil, Argentina, Tunísia e Alemanha, oferecendo à comunidade científica, bem como à sociedade como um todo, importantes conceitos, métodos e lacunas que precisamos preencher se quisermos preservar as florestas da Terra”, explicou o professor, que ainda coordena na Unemat o Centro de Tecnologia da Amazônia Meridional (Cetam) e o Laboratório de Ecologia (Labec).

O livro está à venda pela Editora e estará disponível para consultas pela comunidade acadêmica da Unemat, no câmpus de Alta Floresta, tanto na biblioteca quanto no Labec.

Conservação Florestal: Métodos, Gestão e Desafios

Temas explorados em cada capítulo:

Capítulo 1 - Como espécies raras de árvores poderiam ser um substituto para a biodiversidade na tomada de decisões de conservação;

Capítulo 2 - O manejo sustentável da biodiversidade em ecossistemas lenhosos;

Capítulo 3 - Síntese e discussão sobre os desafios para a conservação de florestas e répteis brasileiros;

Capítulo 4 - Priorização de áreas de preservação permanente para recuperação florestal visando à conectividade da paisagem;

Capítulo 5 - Conservação de florestas de pinheiro de Aleppo para plantios pós-inundação e incêndios;

Capítulo 6 - Agrossilvicultura e suas conexões com atividades de REDD + na Amazônia;

Capítulo 7 - Conservação e seus desafios na África tropical;

Capítulo 8 - Grandes barragens na Amazônia e seus efeitos sobre a fauna;

Capítulo 9 - Seleção e propagação de espécies arbóreas nativas para melhorar a restauração ecológica;

Capítulo 10 - Uma abordagem à modelagem de adequabilidade ambiental e seu potencial para apoiar decisões de conservação e programas de restauração ecológica.

Portal UNEMAT por Hemilia Maia.

Assinar este feed RSS